Arquivo da tag: Territórios Culturais

Nesta Semana acontece…

Salve Salve Comunidade…

A programação do VIII Sou África em Todos os Sentidos segue intensa na Casa de Cultura Fazenda Roseira. Lembrando que este ano as atividades serão de compartilhamento, avaliação e sistematização dos Projetos realizados pela Comunidade Jongo Dito Ribeiro na Casa de Cultura Fazenda Roseira.

Então se quiser saber mais sobre estas ações então veja a programação desta semana e apareça em nossa casa.

Veja a programação completa em: https://comunidadejongoditoribeiro.wordpress.com/2016/11/04/viii-sou-africa-em-todos-os-sentidos/

AXÉ

viii_sou_africa_08nov13

Comunidade Jongo Dito Ribeiro é a grande vencedora em Territórios Culturais

Na última segunda-feira, dia 21 de Março de 2016, logo após a 11ª Feijoada das Marias do Jongo, a Comunidade Jongo Dito Ribeiro que havia sido indicada para concorrer ao Prêmio Governador do Estado de São Paulo para a Cultura 2015 pela organização do Arraial AfroJulino, foi a grande ganhadora na categoria Territórios Culturais tanto pelo Voto Popular quanto pelo Voto do Júri.

1455074_1883885105171518_6303518253538817943_n

5423_1883991278494234_6581835649464420475_n

Seguem os depoimentos emocionados de Alessandra Ribeiro e Vanessa Dias, as quais estiveram recebendo as premiações em nome da Comunidade:

“”Eu seguro sua mão na minha para que JUNTOS possamos fazer , aquilo que eu não posso fazer sozinha”.

Mal deu para recuperar o folego da 11a Feijoada das Marias do Jongo e lá fomos nós para participar da premiação do Prêmio Governador do Estado para a Cultura 2015.

Não tínhamos dimensão do quão importante é era esse prêmio e muito menos, que era efetivamente o RECONHECIMENTO DO ESTADO DE SÃO PAULO, de “nós” trabalhadores da Cultura, pela Cultura e para a Cultura.

1483349_1883992221827473_4267499450381018792_n

Fomos indicados para a Categoria Territórios Culturais de 2015 – Arraial afro Julino. Chegamos lá e todos e todas muito bonitos, elegantes e referências MESMO da Cultura PAULISTA.

Nós, representantes da Bastilha Negra, amada Campinas, amada sem ironia, porque trabalhar pela, para e com CULTURA AFRO em Campinas é fundamental AMAR MUITO.

Raquel Trindade a sua benção sempre, também estava lá representava o Teatro Solano Trindade, indicado também para a mesma categoria, e claro o sorriso e sabedoria DELA acalmaram nossos corações ansiosos.12523978_1883991411827554_4068749011701381732_n

Resultado:
Com 54% dos Votos Populares ganhamos o prêmio no voto Popular
Pelos votos da comissão Julgadora ganhamos

COMUNIDADE JONGO DITO RIBEIRO – essa conquista NÃO É DA Alessandra Ribeiro, mas LEGITIMAMENTE DE CADA UM DE VOCÊS QUE fazem A NOSSA COMUNIDADE, essa comunidade jongueira de DITO RIBEIRO.
Salve nosso ancestral!!!!

Obrigada por fazerem parte e permitirem que o JONGO faça parte da vida de cada um de vocês.
Obrigada por me permitirem ser a liderança desse coletivo TÃO MARAVILHOSO.
Obrigado pela DEDICAÇÃO EM TODAS AS NOSSAS ALÇÕES E TAREFAS
A Feijoada foi maravilhosa por que vocês a fizeram MARAVILHOSA
Esse reconhecimento é NOSSO, porque vocês FAZEM ISSO…

Muito obrigada FAMILIA JONGIUEIRA…amo imensamente cada um de vocês e sou grata pela oportunidade de convivermos JUNTOS NESSA PASSAGEM…
Axé
Gratidão
Alê Ribeiro”

“Ontem..
Aaah o que dizer sobre a noite de ontem… muito especial e resultado de 14 anos de muito trabalho num Coletivo Ancestral!

Hoje pela manhã conversando com Minha Mestra Alessandra Ribeiro relembrei todos os momentos de altos e baixos deste coletivo.. relembrei que não é fácil estar nele durante tanto tempo… e ainda sendo filha mais velha desta Comunidade numa responsa gigante… relembrei das muitas vezes em que pensei que não daria conta ou que deveria sair correndo.

Mas sempre há uma magia… pois o jongo também é isso… e que nos faz relembrar a importância de tudo isso, não só para os que já passaram por aqui, mas para os que estão por vir. Nos faz relembrar da importante missão de salvaguardar o Jongo… uma manifestação NEGRA e ANCESTRAL.

Foi muito emocionante perceber que, pode até parecer clichê o que escreverei… mas a nossa luta não é em vão. Que o nosso cansaço depois de uma Feijoada das Marias.. não é em vão… o nosso cansaço depois de um Arraial Afro Julino e ainda ter que carregar.. varrer… limpar… sorrir… continuar… não é em vão… o nosso cansaço provocado pelas tensões de saqueamentos do nosso Território Cultural Roseira que você ajudou a construir e constrói a cada dia… não é em vão…. que todo o trabalho que dá em dizer pra sociedade que mulher preta pode sim fazer e construir… não é em vão… que todas as escolhas… mesmo sendo difíceis e em muitos momentos sendo nem sempre como gostaríamos… não é em vão…

Quero agradecer a toda a Ancestralidade que segue nos apoiando e nos encaminhando nesta trilha da vida…

Quero agradecer também a toda a Comunidade Jongo Dito Ribeiro por me proporcionar tantos aprendizados.

E quero agradecer a Alessandra Ribeiro que sempre nos guia com seu olhar e percepção tão especiais, que sempre nos ensina com tanta generosidade e nos faz sempre, mesmo diante da guerra, seguir adiante.

Muita felicidade por este reconhecimento… e agora bora continuar trabalhando mais em prol da Transformação e para que existam mais e mais Coletivos Ancestrais se firmando e conquistando e transformando e emancipando e empoderando e enegrecendo.

Axé

Vanessa Dias”

12063830_1883993695160659_7922598881639214618_n

12321396_1883993505160678_7629041335519318754_n

12523869_1883993678493994_6831996526646151724_n

12809725_1883993788493983_8227207655947747800_n

10366017_1883993598494002_2096112801357420618_n

12189606_1883993395160689_2033744977612077110_n

Notícia em outros espaços: http://www1.folha.uol.com.br/ilustrada/2016/03/1752608-cultura-de-sp-divulga-vencedores-do-premio-governador-do-estado-2015.shtml

AXÉ